Brasil

Brasil. Benedito Barbosa recebe Medalha Nacional de Acesso à Justiça, nesta quinta-feira


Do Centro Gaspar Garcia de Direitos Humanos

Benedito Barbosa, advogado do Centro Gaspar Garcia de Direitos Humanos, receberá amanhã a Medalha Nacional de Acesso à Justiça. O prêmio contempla personalidades que se distinguem pela prestação de contribuições relevantes para a promoção, ampliação e democratização do acesso à Justiça no país e será conferido pelo Ministério da Justiça.

A cerimônia acontece no dia 18 de dezembro, às 10h, em Brasília, no Salão Negro do Ministério da Justiça.

Entregue anualmente, a Medalha Nacional de Acesso à Justiça foi instituída pelo Ministério da Justiça, por meio da portaria nº 2.167, de 31 de maio de 2013. A entrega da medalha sempre é feita em solenidade presidida por aquele que ocupa o cargo de Ministro ou por seu representante.

Neste ano, será feita homenagem ao ex-ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, recentemente falecido e se lembrará dos dez anos da aprovação da Emenda Constitucional Nº 45, em 2004, sobre a Reforma do Judiciário.

Dito é militante do Movimento Popular desde 1979, é advogado do Centro Gaspar Garcia de Direitos Humanos e da União dos Movimentos de Moradia de São Paulo. Participou da luta pela emenda da reforma urbana na Constituinte em 1987/1988, iniciou sua luta no Movimento de Favelas em São Paulo, em 1982. É Dirigente Estadual da Central de Movimentos Populares, onde atua desde a Pró Central e participou do Congresso de Fundação da CMP. É um dos fundadores da União dos Movimentos de Moradia de São Paulo, no ano de 1987, e da União Nacional por Moradia Popular, em 1991. Participou ativamente da luta pela criação do Sistema Nacional de Habitação de Interesse Social. É militante do Fórum Nacional da Reforma Urbana, foi Conselheiro Nacional das Cidades entre 2005 e 2011. Foi coordenador de Regularização Fundiária da Prefeitura Municipal de Diadema na gestão do prefeito José de Filippi Junior (PT), entre os anos de 1993 e 1996, e foi um dos coordenadores do Setor de Participação Popular da Secretaria Municipal de Habitação na gestão da prefeita Marta Suplicy (PT), entre os anos 2001 e 2004.

É advogado militante dos Direitos Humanos e da Moradia Popular, atua ativamente na defesa de famílias ameaçadas por remoções forçadas por grandes projetos de infraestrutura urbana. Foi do Comitê Popular da Copa entre os anos 2011 e 2014, onde atuou na defesa de famílias vítimas de violação de direitos em função das obras da Copa do Mundo de 2014. Foi um dos dirigentes pela América Latina na Coalizão Internacional do Habitat, participando de diversas mobilizações internacionais pelo Direito à Cidade. É Conselheiro Municipal de Habitação pelo segundo mandato e Conselheiro Municipal de Política Urbana. É mestre pela Universidade Federal do ABC em Planejamento de Gestão do Território. No ano de 2008, foi homenageado com o título de Cidadão Paulistano pela Câmara Municipal de São Paulo. Nesse ano, foi indicado para o prêmio Zumbi dos Palmares pela Assembleia Legislativa de SP, por sua atuação na defesa dos Direitos Humanos e de famílias Sem-Teto na cidade de São Paulo.





HIC-AL. - Huatusco No. 39 - Col. Roma Sur - 06760 México D.F. info@hic-al.org